HRAC-USP terá residência médica em anestesiologia a partir de março

Ato anestésico realizado no Centro Cirúrgico do HRAC-USP. Foto: André Boro, HRAC-USP

Programa inédito no Hospital contará com bolsas de estudo da Smile Train; seleção pública para residência médica do SUS é realizada pela VUNESP

O Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais (HRAC/Centrinho) da USP em Bauru terá, a partir de março de 2021, pela primeira vez, Residência Médica em Anestesiologia.

São oferecidas duas vagas, com bolsas de estudo concedidas pela Smile Train – maior organização filantrópica internacional de fissura labiopalatina e parceira do HRAC-USP – e administradas pela Fundação de Apoio à Universidade de São Paulo (FUSP).

A Residência Médica em Anestesiologia do HRAC-USP acaba de ser credenciada pela Comissão Nacional de Residência Médica (CNRM) do Ministério da Educação (MEC), por meio ato autorizativo publicado em 27/01/2021 no site do MEC. Voltada a graduados em Medicina, a nova Residência tem duração de três anos.

Prof. Carlos Santos em aula da Pós-Graduação (fev./2020). Foto: Márcio Antonio da Silva, HRAC

“Este é mais um importante benefício resultante da parceria entre o HRAC-USP, a Smile Train e a FUSP. Essa terceira Residência Médica oferecida pelo Hospital ajudará na formação de profissionais qualificados para uma especialidade que é essencial na rotina cirúrgica dos hospitais, incluindo a nossa instituição”, destaca o professor Carlos Ferreira dos Santos, superintendente do HRAC-USP e diretor da Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB-USP). Além de vice-coordenador da Residência em Anestesiologia, como cirurgião-dentista farmacologista, o dirigente também foi o responsável pela sua concepção.

O coordenador da nova Residência será o professor Joaquim Edson Vieira, da disciplina de Anestesiologia da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP).

Para a diretora da Smile Train para a América do Sul, Mariane Góes, “a importância dessa residência vai de encontro ao que a Smile Train preconiza e acredita. Empoderamento e capacitação a profissionais que possam trazer a sustentabilidade ao tratamento completo de reabilitação do paciente com fissura labiopalatina. Os anestesistas são parte fundamental da segurança da cirurgia e primamos por essa segurança cirúrgica. Capacitando aos jovens profissionais ajudamos a garantir o futuro do tratamento de fissuras no Brasil”.

As vagas para o Programa de Residência em Anestesiologia serão preenchidas por meio da Seleção Pública para Residência Médica 2021 do Sistema Único de Saúde (SUS) do Estado de São Paulo. O processo seletivo, que teve prova objetiva no último dia 10 de janeiro, é realizado pela Fundação VUNESP (www.vunesp.com.br).

Pela mesma seleção pública, também são oferecidas no HRAC-USP três vagas para a Residência Médica em Otorrinolaringologia, com bolsas de estudo da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo (SES-SP) e da Universidade de São Paulo (USP).

“Com 20 anos de atuação, a Residência em Otorrinolaringologia do HRAC-USP está entre as melhores do país e entre as mais escolhidas pelos candidatos com as melhores notas na prova do SUS. Contamos com um corpo clínico de ponta, que abrange todas as subespecialidades: otologia, rinologia, laringologia, cirurgia plástica da face, além de toda a expertise do Centrinho e do campus USP-Bauru nas áreas de malformações craniofaciais e saúde auditiva (próteses auditivas ativas de orelha média e implante coclear), um importante diferencial na formação”, destaca o coordenador da Residência, o professor Rubens de Brito, chefe técnico da Seção de Otorrinolaringologia do HRAC-USP e docente da FOB-USP e da FMUSP.

Ambos os programas de residência também são credenciados pela CNRM/MEC, estruturados com três anos de duração e voltados a candidatos com graduação em Medicina.

Residência em cirurgia
O HRAC-USP oferece ainda uma vaga para a Residência Médica em Cirurgia Crânio-Maxilo-Facial, com bolsa da SES-SP e da USP. Credenciado pela CNRM/MEC, o Programa tem duração de um ano e é coordenado pelo professor Nivaldo Alonso, chefe técnico da Seção de Cirurgia Craniofacial do HRAC-USP e docente da Disciplina de Cirurgia Plástica da FMUSP.

O candidato deve ser graduado em Medicina com residência médica concluída em Cirurgia Plástica, Otorrinolaringologia e/ou Cirurgia de Cabeça e Pescoço.

As inscrições serão realizadas pelo Sistema Apolo (https://uspdigital.usp.br/apolo/), até o dia 30/01/2021. A prova objetiva, prova prática e análise curricular ocorrerão no dia 10/02/2021, no HRAC-USP.

Conforme a Portaria Interministerial Nº 3, de 16/03/2016, o valor da bolsa para profissionais de saúde residentes é de R$ 3.330,43.

Editais e mais informações
Todos as residências têm início programado para março de 2021. O HRAC-USP fica na Rua Sílvio Marchione, 3-20, Vila Universitária, Bauru (SP). Os editais completos e todos os detalhes podem ser consultados no site http://www.hrac.usp.br/processos-seletivos/extensao. Mais informações com a Seção de Apoio Acadêmico do HRAC, pelo e-mail saac@usp.br ou telefone (14) 3235-8420.