Aluno / Students

Nessa página você encontra informações e documentos de interesse do aluno, referentes ao Programa de Pós-Graduação do HRAC.

MANUAL DO ALUNO do Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação (ver mais)

(clique aqui para obter a versão em PDF do manual)

INFORMAÇÕES IMPORTANTES (ver mais)

Sobre o HRAC-USP – Para a circulação dentro do Hospital o aluno deve:

utilizar jaleco/avental e crachá de identificação
• observar as vestimentas que são permitidas em um ambiente hospitalar, inclusive quando vier somente para assistir aulas. Não é permitido uso de shorts e bermudas
• respeitar as normas de cada setor
• obter autorização prévia para entrar na Unidade de Internação
• respeitar a privacidade dos pacientes

SISTEMA JANUS

O Sistema Janus é o sistema de gestão da Pós-Graduação na USP. O cadastramento do aluno no Sistema é obrigatório. Através dele o aluno terá acesso à sua ficha de aluno, realizará consulta de disciplinas, notas, frequência e prazos, emitir declarações e realizar sua matrícula semestral. Acesse o site https://janus.usp.br em “Primeiro Acesso” e siga as instruções.

E-MAIL INSTITUCIONAL de domínio “@usp.br

A partir do ingresso do aluno na Pós-Graduação da USP, é necessário a criação de um e-mail institucional no domínio USP, ou seja, com final ‘usp.br’ (nome@usp.br), pois os e-mails gerados pelos sistemas da Pós-Graduação da Universidade não são enviados para endereços com outros domínios. 

Os novos alunos devem criar seu e-mail “USP” através do cadastramento no site http://www.pedidoemail.usp.br , digitando seu número USP para a solicitação.

Para acessar a conta de e-mail USP o endereço é www.webmail.usp.br.

IMPORTANTE: informar a secretaria do programa (secpg@centrinho.usp.br) o novo e-mail, pois TODA comunicação da Pós-graduação aos alunos também é feita somente para e-mails de domínio USP. Confira sempre a caixa postal da conta criada. 

Os alunos ingressantes no Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação do HRAC devem cumprir todas as normativas relativas ao programa, publicadas no Diário Oficial da União no dia 24/01/2014, p. 181, e que segue anexo.

CRÉDITOS MÍNIMOS EXIGIDOS EM DISCIPLINAS:

Mestrado: 35
Doutorado: 20
Doutorado Direto: 50

DISCIPLINAS OFERECIDAS PELO PROGRAMA (ver mais)

OBRIGATÓRIAS:

Sigla
Disciplina Créditos
HRB 4029  Preparação Pedagógica 2
HRB 4030  Bioética
HRB 4031  Bioestatística 4
HRB 4032   Metodologia da Pesquisa Científica 4
HRB 4071   Reabilitação Multidisciplinar das Fissuras Orofaciais 3
HRB 4076    Embriologia, Etiologia e Epidemiologia das Fissuras Orofaciais 3
HRB 4080  Artigos Científicos (obrigatória para o Doutorado) 2
HRB 4082  Temas de Atualização Científica em Fissuras Orofaciais e Anomalias Relacionadas I (M) 1
 HRB 4083   Temas de Atualização Científica em Fissuras Orofaciais e Anomalias Relacionadas II (D) 1

OPTATIVAS:

Sigla
Disciplina Créditos
HRB 4036  Imaginologia Aplicada às Anomalias Craniofaciais
HRB 4037  Genética Aplicada aos Distúrbios do Desenvolvimento Humano
HRB 4039  Políticas de Saúde e Reabilitação
HRB 4041   Distúrbios da Comunicação na Fissura Labiopalatina
HRB 4043   Fisiologia do Sistema Estomatognático
HRB 4045    Vias Aéreas Superiores nas Fissuras Orofaciais
HRB 4048  Aspectos Psicossociais da Reabilitação das Fissuras Orofaciais
HRB 4059  Crescimento e Desenvolvimento Craniofacial
 HRB 4075   Odontologia na Reabilitação das Fissuras Orofaciais  4
HRB 4079   Prevenção das Fissuras Orofaciais 1
 HRB 4081  Multidisciplinary Rehabilitation of Orofacial Clefts  
HRB 4084   Bioengenharia Tecidual 2
HRB 4085   Upper Airways and Orofacial Clefts 3
HRB 4089  Clínica Interdisciplinar Aplicada às Fissuras Orofaciais I 4
HRB 4090  Clínica Interdisciplinar Aplicada às Fissuras Orofaciais II 4
HRB 4091   Tratamento Intensivo e Interdisciplinar na Reabilitação Funcional das Anomalias Craniofaciais 3

 

 

 

Observações: 
• A disciplina “Artigos científicos” é Obrigatória para os alunos de Doutorado, e optativa para os alunos de Mestrado,desde que haja vaga disponível).
• É obrigatório a realização de uma disciplina fora do HRAC-USP (mobilidade).

Para conferir o conteúdo de cada disciplina, acesse o link do Programa.

MATRÍCULA (ver mais)

MATRÍCULA SEMESTRAL: A matrícula de alunos regulares no sistema JANUS (em disciplinas ou acompanhamento) tem que ser feita em todos os semestres (nos meses de janeiro e de julho) até a obtenção do título. O aluno que já tiver cumprido todos os créditos e não quiser matricular-se em disciplinas, deverá fazer a matrícula de acompanhamento. Os períodos de matrícula via JANUS serão sempre informados aos alunos por e-mail. 

Observação: Não fazer matrícula implica em desligamento do curso.

DECLARAÇÃO DE MATRÍCULA:  Os alunos que precisarem de declaração de matrícula devem emiti-la pelo sistema JANUS , no link Aluno regular / Emissão de documentos. O Sistema permite a emissão de um atestado de matrícula eletrônico.

RELATÓRIO SEMESTRAL (ver mais)

O desempenho acadêmico do aluno no curso é acompanhado pela CPG por meio do formulário “Indicadores de Produção”.

As atividades a serem realizadas no semestre são definidas conjuntamente (aluno e orientador), no início de cada semestre como um compromisso a ser cumprido. Após assinado por ambas as partes, o aluno deverá entregar o original e uma cópia do formulário de compromisso na Secretaria de Pós-Graduação para ser arquivado em sua pasta. O original fica guardado na Secretaria e, no final do semestre, é encaminhado para o orientador para fazer a avaliação do aluno, emitindo parecer de seu desempenho. O relatório será encaminhado para a CCP para avaliação e os conceitos atribuídos pela CCP serão: adequado, aceitável e inadequado.

O aluno cujo desempenho acadêmico foi avaliado como inadequado em dois semestres consecutivos será desligado do curso (artigo X do Regulamento do Programa).

As datas para entrega do relatório na Secretaria de Pós-Graduação são:

• 15/12 – Entrega da cópia do formulário, com os compromissos firmados, referente ao 1º semestre do ano seguinte.

• 15/07 – Entrega do original do formulário, devidamente preenchido e assinado, referente ao 1º semestre do ano vigente.

• 15/07 – Entrega da cópia do formulário, com os compromissos firmados, referente ao 2º semestre do ano vigente.

• 15/12 – Entrega do original do formulário, devidamente preenchido e assinado, referente ao 2º semestre do ano vigente.

BOLSAS (ver mais)

Segundo decisão da Comissão de Pós-Graduação, as bolsas concedidas pela CAPES e CNPq (cota institucional), serão canceladas quando o aluno completar 24 meses de curso, para mestrado e 36 meses de curso para o doutorado.

A Comissão de Bolsas da CPG do HRAC-USP definiu que a concessão de bolsas para alunos de Mestrado e Doutorado do Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação, se baseará, a partir de agosto de 2010, no mérito científico do candidato, sendo que a ordem de concessão obedecerá a média final alcançada no processo seletivo de ingresso no Programa. Havendo necessidade de desempate, será considerada a nota obtida na prova de conhecimentos específicos.

Para os alunos de MESTRADO contemplados com bolsa CAPES é obrigatória a realização da disciplina de “Preparação Pedagógica”. Para os alunos de DOUTORADO bolsistas CAPES é obrigatória a realização da disciplina de “Preparação Pedagógica” e participação no Estágio Supervisionado em Docência (PAE) pelo menos 01 (uma) vez.

AUXÍLIOS (ver mais)

• PROAP / CAPES – Programa de Apoio à Pós-Graduação: As solicitações devem ser feitas na Secretaria de Pós-Graduação do HRAC, por meio de formulários pré-definidos e ou ofícios de solicitação. O regulamento do PROAP e itens financiáveis estão disponíveis no Portal CAPES

• Pró-Reitoria de Pós-Graduação da USP: Podem ser solicitados auxílio para viagens ao exterior para pesquisa e/ou participação em congressos, para alunos de Pós-Graduação da USP matriculados nos cursos de doutorado e, excepcionalmente, de mestrado.  Da mesma maneira, podem ser solicitados auxílio para viagens na América Latina e no Brasil para pesquisa e/ou congressos (duração máxima de 1 mês), para alunos de Pós-Graduação da USP matriculados nos cursos de mestrado e doutorado. Formulários no link: http://www.prpg.usp.br/?page_id=13

OBSERVAÇÃO: A concessão do auxílio está SUSPENSA TEMPORARIAMENTE (desde 2014).

ALUNOS ESTRANGEIROS (ver mais)

Deverão renovar o RNE (Registro Nacional de Estrangeiro) nos prazos em que a Polícia Federal solicitar (180 dias ou um ano) e entregar uma cópia do protocolo no SPG, a cada renovação. Permanecer irregular no país, por qualquer período de tempo, resulta em desligamento do Programa de Pós-Graduação.

ALIMENTAÇÃO, SAÚDE E ESTACIONAMENTO (ver mais)

Os alunos de Pós-graduação podem utilizar:

• Restaurante Universitário da USP-Bauru
• UBAS – Unidade Básica de Saúde da USP-Bauru
• Estacionamento nas dependências do CAMPUS USP.

Para usufruir desses serviços, procure a Secretaria de Pós-Graduação para preencher a devida documentação.

EXAME DE QUALIFICAÇÃO (EQ) (ver mais)

O Exame de Qualificação é exigido tanto no curso de Mestrado quanto no curso de Doutorado/Doutorado Direto. Fique atento aos prazos e leia o artigo VIII do Regulamento do Programa.

• Mestrado: O EQ consistirá da entrega na Secretaria de Pós-Graduação de três cópias do projeto de pesquisa com, no máximo, 20 páginas, e uma exposição oral sobre o projeto de pesquisa. A exposição oral, em sessão pública, terá duração mínima de oito e máxima de trinta minutos, sendo seguida de arguição pela Banca Examinadora, composta por três membros. Cada membro da banca terá no máximo 30 minutos para completar a sua arguição, incluindo perguntas e respostas.

• Doutorado / Doutorado Direto: O EQ consistirá da entrega na Secretaria de Pós-Graduação de três cópias do projeto de pesquisa com, no máximo, 20 páginas, e uma exposição oral sobre o projeto de pesquisa. Além disso, incluirá a apresentação de uma aula teórica sorteada no momento do exame ou a apresentação de um artigo de sua autoria na área de concentração do programa, aceito para publicação, após a sua primeira matrícula no curso de doutorado. Na ocasião da inscrição para o EQ deve ser entregue na Secretaria, além do projeto de pesquisa, uma lista de três pontos de aula teórica ou um artigo aceito para publicação. A exposição oral, em sessão pública, terá duração mínima de dez e máxima de quarenta minutos, sendo seguida de arguição pela Banca Examinadora, composta por três membros. Cada membro da banca terá no máximo 30 minutos para completar a sua arguição, incluindo perguntas e respostas.

O estudante que for reprovado no EQ poderá se inscrever para repeti-lo apenas uma vez, devendo realizar nova inscrição no prazo de 60 (sessenta) dias após a realização do primeiro exame. O segundo exame deverá ser realizado no prazo de 60 (sessenta) dias após a inscrição. Persistindo a reprovação, o estudante será desligado do Programa e receberá certificado das disciplinas cursadas.

Modus Operandi do Exame de Qualificação: 

• Mestrado

 7 meses: Inscrição no Exame de Qualificação
Até 9 meses: Realização do Exame de Qualificação
21 meses: Depósito da dissertação e agendamento da defesa
24 meses: Prazo máximo para defesa da dissertação

• Doutorado

12 a 16 meses: Inscrição no Exame de Qualificação
Até 18 meses: Realização do Exame de Qualificação
42 meses: Depósito da tese e agendamento da defesa
43 a 45 meses: Readequação do trabalho e novo depósito se necessário
48 meses: Prazo máximo para defesa da tese

Qualificação:

• Mestrado: 

– 10 a 15 minutos para apresentação do projeto
– 45 minutos para arguição (dos três membros)

• Doutorado: 

– 10 a 15 minutos para apresentação do projeto
– 20 a 25 minutos para apresentação da aula
– 45 minutos para arguição (dos três membros)

DEPÓSITO DA DISSERTAÇÃO / TESE (ver mais)

O trabalho final nos cursos de mestrado e doutorado poderá ser apresentado na forma convencional ou alternativa (em forma de artigo, contendo no mínimo dois artigos para o Mestrado e para o Doutorado). No caso do formato alternativo, os artigos compõem parte da obra juntamente com capítulos obrigatórios como introdução, objetivos e conclusões gerais. Um mesmo artigo não poderá ser utilizado em duplicidade em mais de uma tese/dissertação.

A estrutura da tese, independente do formato escolhido, seguirá as normas vigentes no HRAC-USP e disponibilizadas pela Seção de Documentação e Informação.

Quanto ao idioma, as dissertações e teses podem ser redigidas em português ou inglês. No entanto, somente um idioma é permitido para o conjunto completo da obra.

No ato do depósito, antes da avaliação escrita, o aluno deve entregar na Secretaria de Pós-Graduação:

• quatro exemplares impressos da dissertação/tese (todos encadernados em espiral)

• um artigo encaminhado para publicação (mestrado) ou dois artigos encaminhados para publicação, sendo pelo menos um deles em inglês e um deles já aceito ou publicado (doutorado)

• formulário assinado pelo orientador, com declaração de que o estudante está apto à defesa e sugerindo a composição da banca.

Após a avaliação escrita, o aluno deve entregar, naSecretaria de Pós-Graduação:

• três exemplares impressos da dissertação/tese (sendo dois encadernados em capa dura)

• cópia em versão eletrônica da dissertação/tese

• formulário de autorização para publicação no site www.teses.usp.br.

O aluno que optar por revisar a dissertação/tese após a avaliação escrita, deverá entregar sete exemplares (dois encadernados em capa dura e cinco encadernados em espiral) ao invés de três.

MANUAL DO ALUNO do Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação  (clique para fechar)

 

FORMULÁRIOS (ver mais)