HRAC-USP terá prática profissionalizante para cirurgiões plásticos em 2021

Smile Train concederá bolsas de R$ 5,5 mil e apoio financeiro para cirurgias de fissura labiopalatina; programa tem apoio dos Rotary Clubs Campinas Sul e Evanston-Lighthouse, dos EUA

O Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais (HRAC/Centrinho) da USP em Bauru oferecerá, a partir de 2021, de forma inédita, a Prática Profissionalizante em Fissura Labiopalatina e Anomalias Craniofaciais Associadas, voltada a cirurgiões plásticos.

São cinco vagas para candidatos graduados em Medicina com residência médica concluída em Cirurgia Plástica e bolsas no valor de R$ 5.500,00, concedidas pela Smile Train – maior organização filantrópica internacional de fissura labiopalatina e parceira do HRAC-USP – e administradas pela Fundação de Apoio à Universidade de São Paulo (FUSP).

Com duração de um ano e carga de 40 horas semanais de atividades teóricas e práticas, o programa visa promover a difusão do conhecimento sobre anomalias craniofaciais com ênfase nas fissuras labiopalatinas e deformidades da face.

As inscrições já estão abertas e devem ser feitas pelo Sistema Apolo (https://uspdigital.usp.br/apolo/) até o dia 30/01/2021. As provas estão marcadas para o dia 09/02/2021, no HRAC-USP.

A iniciativa inclui apoio financeiro para 100 cirurgias de fissura labiopalatina em centros especializados pelo país. Além disso, após a conclusão da bolsa, cada um dos cinco bolsistas se comprometerá a realizar 50 cirurgias, em pacientes atendidos em centros parceiros da Smile Train Brasil, totalizando 250 cirurgias reparadoras. O programa de bolsas conta com apoio do Rotary Club Campinas Sul e do Rotary Club Evanston-Lighthouse (dos Estados Unidos).

“Trata-se de uma excelente oportunidade para jovens cirurgiões plásticos aprimorarem prática e conhecimentos em cirurgias reparadoras. Este programa resultará também em importante contribuição para a formação de profissionais especializados, ampliando o acesso ao tratamento”, destaca o professor Carlos Ferreira dos Santos, superintendente do HRAC-USP e diretor da Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB-USP). “É uma parceria que aproxima ainda mais a Universidade da sociedade, por meio da área de expertise do HRAC”, completa.

“Nosso objetivo é tornar esses cirurgiões multiplicadores de conhecimento, visando atingir o número ideal de profissionais qualificados para a realização de cirurgias de fissura labiopalatina no país”, afirma Mariane Manfredini Goes, diretora para as Américas da Smile Train.

Rotarianos do Brasil e do exterior acompanharão o projeto durante um ano, com visitas in loco para conhecer o HRAC-USP, os bolsistas, pacientes e familiares beneficiados.

Práticas profissionalizantes
O HRAC-USP também oferece vagas para as Práticas Profissionalizantes em Rinologia – Cirurgia Endoscópica, Cirurgia Plástica da Face e Craniofacial (uma vaga), Implante Coclear e Próteses Auditivas Implantáveis (três vagas) e Cirurgia e Traumatologia Buco-Maxilo-Facial (três vagas).

Os cursos terão duração de um ano, com 40 horas semanais de atividades teórico-práticas. Os candidatos para as Práticas Profissionalizantes em Implante Coclear e Próteses Auditivas Implantáveis e em Rinologia devem ser graduados em Medicina com residência médica concluída em Otorrinolaringologia. Já os candidatos para a Prática Profissionalizante em Cirurgia e Traumatologia Buco-Maxilo-Facial devem possuir graduação completa em Odontologia.

As inscrições serão via Sistema Apolo (https://uspdigital.usp.br/apolo/), de 04/01 até 22/01 ou 12/02/2021, conforme o curso. A seleção para a Prática em Cirurgia e Traumatologia Buco-Maxilo-Facial acontecerá no dia 03/02/2021, no HRAC-USP. Já as datas das seleções para as Práticas em Rinologia e em Implante Coclear e Próteses Auditivas Implantáveis serão divulgadas posteriormente.

Residência médica
O HRAC-USP oferece ainda uma vaga para a Residência Médica em Cirurgia Crânio-Maxilo-Facial, com bolsa da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo (SES-SP) e da Universidade de São Paulo (USP).

Credenciado pela Comissão Nacional de Residência Médica (CNRM) do Ministério da Educação (MEC), o Programa tem duração de um ano e é coordenado pelo professor Nivaldo Alonso, chefe técnico da Seção de Cirurgia Craniofacial do HRAC-USP e docente da Disciplina de Cirurgia Plástica da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP). O candidato deve ser graduado em Medicina com residência médica concluída em Cirurgia Plástica, Otorrinolaringologia e/ou Cirurgia de Cabeça e Pescoço.

As inscrições serão realizadas pelo Sistema Apolo (https://uspdigital.usp.br/apolo/), de 14/12/2020 até 30/01/2021. A prova objetiva, prova prática e análise curricular ocorrerão no dia 10/02/2021, no HRAC-USP.

Conforme a Portaria Interministerial Nº 3, de 16/03/2016, o valor da bolsa para profissionais de saúde residentes é de R$ 3.330,43.

Editais e mais informações
Todos os cursos são gratuitos e têm início programado para março de 2021. A Residência Médica em Cirurgia Crânio-Maxilo-Facial e a Prática Profissionalizante em Fissura Labiopalatina e Anomalias Craniofaciais Associadas contam com bolsas de estudo.

O HRAC-USP fica na Rua Sílvio Marchione, 3-20, Vila Universitária, Bauru (SP). Os editais complet