Oportunidade: USP abre inscrições para residência multiprofissional em saúde

No HRAC-USP são oferecidas 37 vagas, com bolsa mensal de R$ 3.330,43 concedida pelo Ministério da Saúde; inscrições devem ser feitas de 23/07 a 17/08; prazo para solicitar isenção e redução de taxa vai até esta sexta, 20/07

De 23 de julho a 17 de agosto, a Universidade de São Paulo (USP) recebe inscrições para os Programas de Residência em Área Profissional da Saúde nas modalidades uni e multiprofissional, para o período letivo 2019-2021. As inscrições e a seleção serão realizadas pela Fuvest e os interessados poderão solicitar isenção e redução da taxa, no valor de R$ 265,00, até esta sexta-feira, 20 de julho. O programa é organizado por meio da Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária (PRCEU) da USP e da Comissão de Residência Multiprofissional (Coremu).

Para o Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais (HRAC/Centrinho) da USP em Bauru, são oferecidas ao todo 37 vagas. São 17 vagas para o Programa de Residência em Síndromes e Anomalias Craniofaciais – nas áreas de Enfermagem (4), Fonoaudiologia (4), Odontologia (5), Psicologia (1) e Serviço Social (3) –, e 20 vagas para o Programa de Residência Multiprofissional em Saúde Auditiva – nas áreas de Fonoaudiologia (13), Psicologia (3) e Serviço Social (4).

A Residência prevê bolsa mensal para os classificados no valor de R$ 3.330,43, concedida pelo Ministério da Saúde. Podem participar dos Programas os interessados que concluíram ou venham a concluir, até 1º de março de 2019, o bacharelado nos cursos de graduação mencionados. Até o dia da matrícula, os candidatos deverão possuir a inscrição definitiva ou provisória no respectivo conselho regional de classe, quando aplicável.

O objetivo dos dois Programas oferecidos no HRAC/Centrinho-USP é formar profissionais de saúde, especialistas em Saúde Auditiva ou em Síndromes e Anomalias Craniofaciais, com visão humanista, reflexiva e crítica, qualificados para o exercício em suas áreas profissionais, com rigor científico e pautado em princípios éticos, visando atuação integrada, por meio do treinamento em serviço.

Reconhecidos e credenciados pelos Ministérios da Saúde e da Educação, os Programas de Residência da USP têm carga horária total mínima de 5.760 horas, com atividades teóricas e práticas, devendo ser cursadas em regime de dedicação exclusiva, não sendo permitido desenvolver outras atividades profissionais no período de sua realização.

Seleção
O processo seletivo terá duas fases. A primeira será constituída de prova objetiva realizada nos municípios de Bauru, Pirassununga, Ribeirão Preto e São Paulo, no dia 2 de setembro.

A segunda fase (realizada obrigatoriamente no município que sedia a opção do candidato) é composta por duas etapas: etapa 1 – prova dissertativa, em 30 de setembro, e a etapa 2 – análise curricular pela comissão do processo seletivo a partir dos documentos que deverão ser anexados no site de 17 a 28 de setembro.

A bibliografia para conhecimentos gerais e específicos a cada uma das áreas está disponível no edital.

Ensino em serviço
A Residência em Área Profissional da Saúde, nas modalidades uni e multiprofissional, constitui categoria de ensino de pós-graduação lato sensu destinada às profissões da saúde, sob a forma de curso de especialização caracterizado por ensino em serviço. O HRAC/Centrinho-USP oferece esta modalidade de ensino desde 2010.

Edital completo, inscrições e mais informações no site do Hospital:

http://hrac.usp.br/noticias/2018/programa-de-residencia-multiprofissional-em-saude-edital-unificado-2019/

(Com informações da Assessoria de Comunicação da PRCEU / Jornal da USP. Fotos: Adauto Nascimento / HRAC-USP)